BERNARDO CARVALHO

“Os convidados começam a chegar. Não há nenhum crítico literário entre eles. Não faço ideia de quem sejam. Além da família da produtora, a maioria vem da televisão. Há cerca de trinta pessoas quando minha amiga e eu somos convidados a nos sentar no sofá azul-piscina, diante da plateia de convidados, simulacro do cenário do programa de televisão. Minha amiga deve me entrevistar e em seguida ler um trecho de um dos meus romances em alemão; eu lerei em português.”

 

in: Bernardo Carvalho: diário de Berlim – O sofá azul-piscina

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s